domingo, 11 de março de 2018

CURSO ISS - ÚLTIMOS DIAS DE INSCRIÇÃO - RIO DE JANEIRO

Atenção quem trabalha com gestão pública. As prefeituras estão passando um grande arrocho financeiro, algumas chegaram a atrasar salários, tudo creditado ao baixo repasse do FPM, royalties do petróleo e ICMS. 
Pois bem, o governo federal editou a Lei Complementar nº 157, no final de 2016.
As prefeituras tiveram o ano de 2017 para regulamentar essa lei, visando iniciar a cobrança do ISS das empresas de cartão de crédito/débito, planos de saúde, reflorestamento e florestamento, além do leasing, em 2018.
Grande parte das prefeituras regulamentaram, mas nada fizeram para efetivamente iniciar a cobrança.  Pensando nisso elaboramos um curso voltado para a fiscalização do novo ISS, para os itens acima.
O nosso próximo treinamento está com inscrições no final, ocorrerá no Rio de Janeiro, nos dias 23 e 24 de março (sexta e sábado), organizado pelo COTEF, empresa que atua nesse ramo há 30 anos.
Não há aumento de impostos, a população local não vai pagar nada a mais. Mas a fiscalização precisa ocorrer. Informações e reservas: (21)2440 7856 (21)99617 1878 - whatsapp (21)99617 1878

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

FLAGRANTE DE CRIME AMBIENTAL:HOMEM JOGA POLTRONA NO RIBEIRÃO

Este vídeo foi divulgado na página da PREFEITURA DE MIRACEMA, nele, um homem é flagrado jogando uma poltrona dentro do leito do Ribeirão Santo Antônio, ou seja, cometendo um crime ambiental.

MIRACEMA NO PALCO DO TEATRO MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO






Quantos miracemenses já pisaram no palco principal do Teatro Municipal do Rio de Janeiro? Poucos, com certeza. O significado disso para a cidade é enorme.

Será que nós sabemos dimensionar a importância disso?

Ou tratamos com desdém?

É hora de pensarmos bem se não estamos reverenciando os artistas errados.

O caxambu de Miracema participou anteontem no Teatro Municipal das comemorações dos 80 anos do IPHAN.

O blog publica essas fotos do fotógrafo RUI ZILNET.


quarta-feira, 25 de outubro de 2017

URGENTE: ACIDENTE TIRA VIDA DE UM MIRACEMENSE

O blog foi informado e comunica com pesar a morte de Pierre Rabelo, em acidente motociclístico hoje. A notícia foi confirmada por parentes e através da Polícia Militar.

O acidente teria sido na região de Paraíso do Tobias, causado por animal na pista.

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

PREFEITURA LIMPA RIBEIRÃO ENQUANTO A POPULAÇÃO SUJA


O prefeito Clovis Tostes publicou hoje essas duas fotos no seu Facebook. Ele mostra que a limpeza do ribeirão Santo Antônio vem sendo feita, em compensação, a população usa-o como depósito de lixo, até uma poltrona foi encontrada lá.

Uma vergonha!!

domingo, 22 de outubro de 2017

MIRACEMA E NOROESTE EM CHAMAS E AS AUTORIDADES FAZEM REUNIÕES QUE NÃO GERAM RESULTADOS

 Foto de hoje, dia 20/10/2017 - Miracema
(foto de Celeste Scramignon)



Miracema hoje à tarde
(foto de Celeste Scramignon)



Foto dessa semana, do Facebook de Charles Magalhães




Foto de Eugênio Lima, semana passada em Areias

Infelizmente o apelo das autoridades nas redes sociais, as reuniões dos representantes do governo do Estado também não adiantaram nada. O Noroeste está em chamas. É hora de providências sérias e efetivas.

Onde está a polícia militar ambiental? Quantas pessoas foram presas? Qual a origem dos incêndios?

Reuniões em salas refrigeradas não vão resolver o problema. Nem panfletos e cartazes bonitos. E a saúde da população, a vida dos animais e do meio ambiente está em jogo.

A seca está tomando dimensões jamais vistas, agravando ainda mais o quadro de incêndios. Nós não podemos ficar dependentes das chuvas anuais.

Hoje as cidades da região foram tomadas por uma fumaça que é comparável a cidades como Cubatão (no passado) e tantas outras onde a poluição atinge níveis intoleráveis.

Só com prisões, investigação séria, ações objetivas, esse quadro criminoso será debelado.

Com a palavra o secretário de Agricultura do Estado, deputado de Itaperuna, Jair Bittencourt, que até o momento tem se mostrado totalmente ineficaz nessa guerra.

Cadê as ações reais secretário?

A coisa é séria e o Estado tem gente capacitada para resolver esse problema, se a sua secretaria não tem, procure quem entende do tema.

Garanto que reuniões não vão resolver o problema